discurso de ódio e desinformação nas eleições não dá

Entenda melhor o que é discurso de ódio, desinfor-

mação e violência política

É anônimo. Ninguém vai chegar até você.

 

É fácil. São apenas três passos!

É denúncia. Você ajuda a combater discurso de ódio e desinformação nestas eleições.

DISCURSO DE ÓDIO:

Conhecemos como racismo, machismo, LGBTfobia, intolerância religiosa, discriminação contra indígenas, quilombolas, pessoas de determinadas regiões do país (e até estrangeiras), classe social, pessoas com deficiência ou pertencentes a um determinado grupo político, movimento social ou ativistas.

DESINFORMAÇÃO:

Divulgar informação falsa ou distorcida sobre uma candidatura ou mandato eleito, para tentar fazer com que percam a credibilidade. Às vezes estão num site no formato de uma notícia de jornal, outras são postagens de alguém (que pode até ser uma conta falsa) em redes sociais ou mensagens que circulam em grupos no celular.

 

VIOLÊNCIA POLÍTICA:

Tática para impedir a participação de determinados grupos no poder.

Pode acontecer antes, durante e depois das eleições, afetando candidaturas e mandatos eleitos. São desde atos explícitos de violência até ataques na mídia e nas redes sociais, contra candidaturas ou mandatos eleitos, principalmente, de mulheres, pessoas negras, jovens e LGBT+. Quem ataca, quer que se silenciem ou que saiam da política.

Para seguir as notícias e a rede de organizações que estão mapeando e apoiando esta iniciativa, acompanhe a hashtag #tretaqui nas redes sociais